30 março 2008

Roteiro Gastronômico - BAR DO KU

Bem, é o seguinte: tem um rapaz chamado Alexandre Gurgel, mais conhecido como "Alumão", que é dentista, DJ, artista plástico, dono de bar, colunista de site e ainda chupa cana e assobia ao mesmo tempo! Ele fazia uma coluna sobre gastronomia no site da Diginet, que anda meio abandonada... daí, como eu já tinha o meu roteiro gastronômico da cidade nesta joça de blog, vou adicionar a dica do Bar do Kú, texto elaborado pela ilustre figura, à minha lista...

- Nome: Bar do Kú
- Endereço: Largo atrás de uns edifícios na frente da loja "Rio Center" na Av. Antônio Basílio
- Especialidade: língua no molho de soja
- Peculiaridade: apesar do nome, é bem limpinho e bem frequentado. Na vera!


Difícil vai ser deixar as conotações pornográficas de lado, ao comentar a língua lá no Ku (tá vendo?). Evidentemente que Seu Ku (o dono, não confunda) aproveitou o gancho do nome do local (apelidado assim por se encontrar, sic, num largo sem saída) para montar a especialidade da casa: uma língua molhadinha (tá difícil…) no molho de soja, que combina muito bem com aquela loira gelada (ave maria!). A língua passa antes na pressão para ficar macia, pronta para absorver o molho de forma uniforme. A delícia vem acompanhada de rodelas de pão francês fresquinho, que é pra poder você melar o tacho no final (missão que seria impossível com torradas).

O Ku fica aberto (vixe!) de segunda a sábado, das 11h às 23h, mas a língua só aparece a partir das terças (pois precisa marinar de um dia pro outro). Para achar o bar siga a dica: na Antônio Basílio, indo no sentido da Faculdade de Odontologia para o Hiper, entre numa rua à direita antes de chegar na Prudente de Morais e quebre à direita novamente. Você irá encontrar um sombreado largo e bem no meio o Bar do Ku, onde também existe a opção de petisco self-service. Vale a pena apreciar. Tem carneiro torrado, frango à passarinho, paçoca. Tudo muito saboroso e bem feito. Então está combinado: quando chegar em casa, mande suspender os ovos e vá experimentar a língua lá no Ku.

Nenhum comentário: